Água e óleo misturados, veja os riscos para o seu motor!

O óleo Lubrificante de motor é um item indispensável para a saúde e sobrevida do motor de qualquer veículo. Quem tem carro já deve ter se deparado em algum momento com a necessidade de trocar o óleo. Trata-se de um importante procedimento para garantir o desempenho do veículo, isto porque, a lubrificação ameniza o atrito entre as peças dentro do motor.


Não menos importante, a água ou o líquido de arrefecimento que fica dentro do reservatório do radiador, deve ser observado e estar sempre no nível recomendando pelo fabricante do veículo. A função deste líquido é resfriar o motor, impedindo o superaquecimento e servindo também como mediador na troca de calor.

Fazer a manutenção preventiva é essencial para evitar falhas no motor depois de um tempo e/ou volume de uso.

Como identificar a mistura de água e óleo no motor?

Isso é muito simples! Puxe a vareta do óleo, se o líquido estiver leitoso e com pequenas bolinhas, possivelmente, deve ser da água ou líquido de arrefecimento. Esta situação pode ser perigosa e poderá, até mesmo, fundir o motor do veículo. O principal motivo para esse problema pode ser uma trinca no cabeçote e/ou no bloco e a junta de cabeçote queimada.


Principais motivos que podem levar o óleo de motor a se misturar com a água: